28 de fev de 2011

Umas doses.


Hoje eu preciso embriaga-me de todas doses que
possam causar-me algum risco.
E amanhã preciso acordar sentindo aquele leve
desconforto misturado com algumas "in"certezas,
mas que passa logo, depois de um café forte.
Quero da dose mais doce à mais amarga.
Quero misturar campari com licor de morango.
Intercalar as bebidas para nunca ficar muito igual.
Quero morrer de risos com as doses doces e fazer caras feias com as amargas.
Quero gostar de algum líquido, para que eu possa
repetir a dose. Mas sem que me deixe dar preferência...

Vou logo arrumando-me, sem deixar nada muito apertado
para que tudo possa caber-me...
Dessa vez, não escolhi o bar, ele quem escolheu-me.
Parece-me válido e acabo cedendo as condições que ele apresenta-me.
Não penso duas vez, entro e sento-me num banco não tão confortável.
Agora... sem mais conversas, está na hora de deliciar-me.
- Graçom, por favor, traga-me a primeira dose de risco,
da mais cara, num copo de cristal. Obrigado!

"Tudo que vale a pena na vida, tem uma grande dose de risco."

4 de fev de 2011

A força do pensamento.

















Saiba ousar e usar a felicidade em prol do seu futuro.
Tudo que pensas, qualquer que seja a coisa, boa ou ruim, a força de atração do
universo capta e faz o feedback, conforme o que consiste em sua mente.
Então, para que receba algo bom, pense em algo bom sempre.
Viva algo bom. Sinta algo bom.
Sinta o amor, mesmo que não o tenha no momento. Sinta o vento,
mesmo que esteja num quarto onde não haja entrada para o ar.
Que ao sentir, mesmo que seja mentalmente, já faz com que exista!
E a segunda regra para que você tenha a vida que sonha, mas não imagina, é:
ao acordar de manhã, ponha os pés no chão e agradeça. Agradeça a todo instante.
"Muitas pessoas que organizam suas vidas corretamente, em outros campos
são mantidos na pobreza, por falta de gratidão."

Mergulhe nos seus bons pensamentos e torne-os realidade no
mesmo momento em que está mergulhando.
Isso ajuda a atrair o seu desejo!

3 de fev de 2011

O mais prazeroso.















Concorda comigo, toda mulher gostaria de receber um buquê
de rosas vermelhas ao final de uma terça-feira cansativa, não é?
Até que não seria uma má opção caso não
existisse algo melhor,melhor que flores,
que ao final do dia seguinte, já não exalam perfumes, nem mesmo vida.
Flores foram constituídas para permanecerem nos jardins.
Jardins naturais, onde haja terra e ar.
Lá elas farão muito mais sentido do que num jarro com água
na nossa sala de jantar, entende?
Melhor mesmo, seria, numa terça qualquer, recebermos um sorriso...
Daqueles que chegam a fazer nossos olhos transbordarem de felicidade.
Aqueles que exalam todos os perfumes e faz a vida ter mais vida.
Aqueles que deixamos de apreciá-los assim que nossa infância ficou para trás.
Aqueles que o contra-tempo nos impede de sentir o viço de todas as rosas,
só naquele ato.
Aqueles que acontecem inúmeras vezes, sem que perceba,
porque há coisas mais importantes, do que aquele belo sorriso,
que lhe foi presenteado, assim que pôs seus pés na terra.
Aqueles, que em nenhum momento deveria ser trocado por matéria.
Aquele que só o coração pode suportar, pois ele pulsa sem intervalos,
enquanto exibi-se por lá.

Nada substitui um sorriso verdadeiro, aquele que saí instantâneamente, do coração!

1 de fev de 2011

Não viva em vão!


Como medir tanto sentimento?
Nós somos meros humanos para tamanho poder.
São tantas idas e vindas, entradas e saídas. Tudo para desistir.
Mas a vida e repleta de surpresas. Dê a si mesmo a liberdade de desfrutá-las.
Como irá descobri-la se estiver trancafiada num quarto escuro?
Impedindo-se de experimentar as doçuras e os encantos da vida.
Permita-se. Permita-se viver riscos, adrenalinas, arrepios e falta de ar.
Permita-se amar!
Se você só quer amor e sorrisos, não meça seus atos. Faça-os acontecer.
Ame e sorria também!
Porque no fim quando nada mais restar tudo terá sido valido.
Você terá feito sua parte.
Não se esconda dos bons prazeres da vida. Viva-os e não messe.
Jamais a inconstância caberá um copo medidor.
E de quê a vida é feita? De inconstância!
O que seria dela, senão a inconstância para mudá-la e trazê-la
para nós, a cada dia, com um gosto de diferente?!
O que não pode é, viver na dieta e negar os sabores, que ás vezes pode
vir com gosto de algodão-doce outras com gosto de limão, puro.



Por: Flávia Fernanda e Ana Flávia.